sexta-feira, 28 de agosto de 2009

"Acordei hoje com tal nostalgia de ser feliz"




Acordei hoje com tal nostalgia de ser feliz. Eu nunca fui livre na minha vida inteira. Por dentro eu sempre me persegui. Eu me tornei intolerável para mim mesma. Vivo numa dualidade dilacerante. Eu tenho uma aparente liberdade mas estou presa dentro de mim.

Clarice Lispector


É bem assim mesmo! Presa dentro de mim... As palavras de Clarice sempre chegam no ponto certo.

2 comentários:

Luna Sanchez disse...

Nunca, em toda a vida, li algo da Clarice que não jurei ter sido escrito sobre mim...quanta pretensão, a minha!

Rs

Beijos, Karlla.

ℓυηα

Gil Costa. disse...

tá tão lindo aqui...
=)